Dicas de como fazer o planejamento financeiro de 2020 da sua empresa

Ter uma empresa de sucesso é o sonho de todos os empreendedores, mas não é uma tarefa fácil. Além de muito trabalho é preciso também muita organização, por isso é fundamental planejar e organizar todos os passos do negócio ao longo do ano, principalmente a parte financeira. Separamos algumas dicas para te explicar como fazer o planejamento financeiro de 2020 da sua empresa.

1- Comece a fazer o planejamento financeiro o quanto antes

Não espere o ano começar para iniciar seu planejamento, o ideal é começar a organizar tudo pelo menos 3 meses antes do fim do ano, assim, é possível planejar as finanças com calma, pensando nos detalhes e em todos os pontos necessários, desse modo, no começo do próximo ano tudo estará preparado para seguir o ano. 

Primeiro é necessário fazer um orçamento anual, faça uma estimativa do quanto a empresa recebe e gasta por ano, para isso, utilize o histórico dos outros anos. É importante ser sempre realista ao fazer esse orçamento, coloque números reais e pense também nos piores cenários, assim, seu negócio estará preparado caso ocorra algum problema. 

2- Conte com a ajuda de um consultor financeiro

As finanças da empresa precisam de uma atenção especial para que o fluxo de caixa, capital de giro, contas a pagar e a receber fiquem organizados e salvos nos arquivos. O modo como seu negócio faz o planejamento e a gestão financeira interfere muito no funcionamento da empresa. A falta de um financeiro organizado e planejado pode trazer grandes problemas. 

Assim, é uma boa opção contratar um consultor financeiro. Ele irá orientar as decisões da área das finanças sempre levando em conta as características individuais da empresa, além disso, ele fará toda a organização do fluxo de caixa, organizará o capital de giro, pagamentos, recebimentos e também ajudará a pensar em investimentos que poderão ajudar o negócio. 

3-  Acompanhe todo o fluxo financeiro

Independentemente de contar com a ajuda de um consultor ou não, é preciso manter todas as contas, gastos e ganhos organizados, isso trará controle para o seu negócio e permite manter a estrutura das finanças. 

Além de registrar os lançamentos é necessário acompanhar o andamento de tudo, fazendo análises e conferindo como está a situação financeira da empresa, se é preciso fazer alguma mudança, cortar gastos, entre outros. Desse modo, com o acompanhamento é possível fazer projeções de recursos com mais precisão e, caso seja necessário, tomar decisões com mais segurança e certeza. 

4- Utilize um software online

Numa empresa há um grande fluxo de entrada e saída de dinheiro, há valores à receber, contas para pagar, folha de pagamento, compra de estoque, venda de produtos, entre outros. O software faz o controle do fluxo de trabalho ( financeiro, vendas, estoque, emissão de boleto, nota fiscal, etc), ajudando no planejamento e na organização das finanças da empresa. 

Além de automatizar a parte de contas, os softwares de gestão financeira deixam todos os dados organizados e salvos num arquivo, permitindo o acesso a qualquer momento, assim, as chances de perder algum documento ou recibo são menores. Há também a possibilidade de gerar relatórios que vão ajudar a visualizar a situação financeira do negócio. 

5- Calcule o preço ideal do seu produto ou serviço

Este é um ponto muito importante que deve ser levado em consideração na hora de construir o planejamento financeiro. Analise muito bem o custo de produção do produto ou serviço, defina qual seria o lucro ideal e pense em outras possíveis despesas que podem agregar valor ao produto ou serviço oferecido. 

Assim, após analisar esses pontos é possível encontrar um preço ideal para seu produto/serviço, um valor que seja interessante tanto para o negócio quanto para os clientes. 

6- Como montar o planejamento financeiro empresarial

O primeiro passo é separar os ganhos pessoais dos ganhos da empresa, abra uma conta específica para o negócio e utilize apenas para esse propósito. Feito isso está na hora de montar uma planilha para fazer o controle das receitas e despesas da empresa, aproveite e insira prazos para deixar tudo mais organizado. 

O ideal é utilizar um sistema de gestão financeira, que permite organizar todo esse fluxo em um só lugar e que, além disso, sempre mantém os dados armazenados e é um processo mais seguro. Contudo, caso não seja possível utilizar um software, faça tudo em planilhas, o importante é a organização e o planejamento. 

Com os dados nas planilhas fica mais fácil planejar o ano todo, deixe anotado as tarefas do dia a dia, marque o dia de pagamento dos funcionários, dos fornecedores, dia de vencimento das contas e do aluguel, entre outros. Assim, é possível já deixar todos os meses do ano organizados antecipadamente, o que já reduz grande parte do trabalho, isso faz com que sobre mais tempo para focar nos recebimentos e análise de como anda as finanças da empresa. 

Esse planejamento promove mais controle sobre a área financeira do negócio, trazendo uma visão ampla e detalhada de tudo que acontece financeiramente. Por isso, permite planejar melhor os próximos passos, definir metas, se preparar para possíveis problemas, entre outros. 

Lembre-se que esse trabalho é complicado, por isso, é interessante capacitar alguns membros de confiança da equipe para que ajudem nessa área. Dividir funções é uma boa opção, por exemplo, uma pessoa é responsável pelo controle de estoque, outra pela área de vendas, etc, assim, todas conversam entre si e contribuem na construção do planejamento financeiro. 

O planejamento financeiro é essencial para qualquer empresa e faz a diferença na gestão do seu negócio uma vez que permite que a mesma se desenvolva, cresça e tenha sucesso. 

Mas, lembra-se que o planejamento deve ser sempre feito a longo prazo, com muita organização e dedicação para funcionar do modo certo e realmente ajudar a empresa. Gostou das dicas? Agora está na hora de colocar tudo em prática e continue acompanhando nosso blog para mais informações! 

7 passos para vender mais no fim de ano

O final do ano é sinônimo de compras, nesta época a demanda por produtos aumenta em praticamente todos os setores devido a procura por presentes de Natal e Réveillon ou até mesmo aquelas compras de black friday para aproveitar os descontos. Além disso, os trabalhadores recebem o pagamento do 13º salário que possibilita um maior poder de compra. Por isso, é um ótima negócio utilzar o fim do ano para vender mais e para te ajudar separamos 7 passos para aumentar as vendas.

1) Planejamento de final de ano

O primeiro passo deve ser planejar todo o fim da ano do seu negócio. Trace um objetivo e defina estratégias para alcançá-lo, assim, será mais fácil aumentar a produtividade da equipe e aumentar o número de vendas.

Depois de definir um objetivo, confira tudo que será necessário organizar e coloque no seu planejamento, como, por exemplo, pedir mais produtos para estoque, entrevistar candidatos para aumentar a equipe de vendas no final do ano, organizar a estrutura da loja, definir promoções, condições de pagamento, entre outros. 

Com tudo definido e planejado será mais fácil manter a organização e calma, sem precisar se preocupar com grandes imprevistos. É importante também analisar relatórios gerenciais e as tarefas do dia a dia para compreender melhor o que pode ser ajustado.

2) Marketing digital e divulgação

O marketing digital é uma das formas mais eficientes de atrair novos clientes, ganhar reconhecimento no mercado e até mesmo aumentar o número de vendas. Por isso, é essencial para qualquer negócio já que, na maioria dos casos, o primeiro contato do cliente com a sua empresa será por meio do site ou das redes sociais. 

Assim, procure oferecer conteúdos relevantes, com design chamativo e que sejam do interesse do seus clientes. Aproveite e passe informações e detalhes sobre os produtos, isso ajudará o cliente a tomar uma decisão mais assertiva, o que facilita as vendas. 

As redes sociais e o próprio site da marca serão o início de um possível processo de compra uma vez que os interessados poderão entrar em contato por e-mail, whatsapp, ligação ou podem até mesmo já efetuar a compra pelo site ou ir até a loja física visitar. 

3) Promoções, descontos e sorteios

Promoções, descontos e brindes chamam a atenção e podem ser um diferencial para o cliente no momento de decidir em qual loja adquirir seu produto. Por isso, é interessante fazer um levantamento de todos os produtos que estão parados há um tempo e colocá-los na promoção, isso pode atrair clientes e aumentar as vendas, além de ajudar a acabar com o estoque de algo que estava parado. 

Além disso, é possível também oferecer descontos em algumas peças, por exemplo, ao comprar dois itens o cliente ganha um cupom de desconto de 10 por cento. É possível também oferecer pequenos brindes a partir de um valor de compra, os brindes podem ser itens simples que remetem a sua loja, por exemplo, um lenço, um porta moedas, um pingente, entre outros.

4) Pense como um cliente

No momento de tomar algumas decisões sobre seu negócio pense como um cliente, como seria o atendimento ideal, o que um loja precisa ter para chamar a atenção, qual promoção seria interessante, entre outras. Se colocar no lugar de cliente permite oferecer um atendimento diferenciado e de alta qualidade para os consumidores do seu negócio. 

Além do atendimento, é preciso pensar também nas formas de pagamento disponíveis. Oferecer mais formas de pagamento resultam em um aumento  das vendas. Assim, é interessante que o seu negócio aceite cartões de débito, crédito, cheques, dinheiro ou até mesmo boleto para as compras online.  Desse modo, com ações simples é possível melhorar o seu negócio, facilitar o trabalho da equipe de vendas e vender mais.

5) Otimize processos

Além de uma equipe capacitada e competente, há algumas outras ações que podem ajudar a facilitar as vendas e melhorar o fluxo do seu negócio, como, por exemplo, softwares de gestão empresarial que são ferramentas que otimizam processos uma vez que facilitam o gerenciamento da empresa e reúnem os dados em um só lugar.

É fundamental oferecer um atendimento de alta qualidade, isso faz a diferença para os clientes e é um ponto decisivo já que muitas empresas podem oferecer produtos similares ao do seu negócio, assim, o diferencial está nos detalhes. Outra ação interessante é aumentar o horário de funcionamento, com a flexibilidade de horário sua loja poderá chamar mais a atenção dos clientes. 

6) Aumente sua equipe

Em épocas como o fim do ano o fluxo de clientes e de vendas aumenta consideravelmente, por isso, é importante aumentar e capacitar a equipe para que as vendas continuem rápidas e com qualidade.

Além da equipe é preciso pensar na parte tecnológica também como o sistema operacional do caixa e as máquinas de cartão. Para evitar problemas, aumente o número de maquininhas disponíveis e, se possível, coloque mais de um caixa na loja.

7) Aumente seu estoque

Ter um estoque completo, com uma variedade de produtos, tamanhos e cores é fundamental durante o fim do ano pois permite ofertar uma diversidade de opções para os clientes e isso garante mais vendas. 

Montar um estoque variado demanda investimento, mas é uma ação que pode aumentar consideravelmente as vendas da sua loja. Por isso, é interessante investir nessa área, o capital de giro da empresa, por exemplo, pode ajudar a realizar a ação. 

O capital de giro é o montante necessário para que a empresa continue funcionando no curto prazo, podendo ser usado para pagar contas e funcionários e para montar um estoque. Desse modo, o estoque faz parte do capital de giro da empresa, quanto maior o estoque, maior será o capital de giro necessário. 

Por isso, é importante planejar e organizar a compra de estoque com antecedência para que no fim do ano tudo funcione corretamente. Uma boa opção para aumentar o capital de giro, e por consequência aumentar o estoque, é fazer um empréstimo. 

Atualmente há muitas opções para conseguir um empréstimo como, por exemplo, as empresas de crédito, que oferecem juros e taxas mais baixas que os bancos convencionais, além de um maior prazo de pagamento e opções de empréstimo com garantia. 

O ISF Crédito Orientado tem as melhores condições do mercado, oferecendo soluções personalizadas para cada cliente. Faça uma simulação de empréstimo aqui e converse com nossos vendedores.